Como estudar para concursos públicos

0
55

Olá, caríssimos concurseiros, tudo bem?
Hoje quero tratar com vocês sobre uma das principais dúvidas de candidatos que
querem começar a sua trajetória de estudos rumo à aprovação em concursos públicos:
Como começar a estudar???

Para ajuda-los nessa missão, desdobrarei a resposta nos seguintes pontos abaixo.
Veja:
1) O edital ainda não foi lançado. Como devo fazer primeiro?
O melhor dos cenários é esse, começar a estudar antes de o edital ser lançado, já que
um dos fatores determinantes para uma boa preparação é o TEMPO de dedicação. É
claro que outros muitos fatores também influenciarão positivamente a sua jornada (e
detalharei melhor isso abaixo), pois dispor de mais tempo para estudar não significa
necessariamente melhor qualidade nos rendimentos de estudos.
Mas partindo para o lado mais prático, você deve começar da seguinte forma:

a. Leia atentamente o(s) edital(is) anterior(es):

O edital é o seu ponto de partida para uma boa preparação. Não é à toa que muitos
especialistas dizem que o edital é a Lei do Concurso, pois neles devem constar
necessariamente todos as regras do jogo – e não dá para começar a estudar sem
conhecer disposições todas as disposições do concurso para o qual você deseja se
preparar. Eu, particularmente, comparo o edital a um verdadeiro Oráculo da
Aprovação! É a ele que você deve se recorrer para esclarecer dúvidas e estabelecer
parâmetros de estudos.
Falando em parâmetros, é no edital que você saberá, por exemplo, quais serão as
disciplinas básicas a serem estudadas para o cargo em que você deseja ser aprovado.
É também com base no último edital que você conseguirá calcular o volume de
matérias em razão do tempo total (em meses) que você deverá se preparar.

b. Fique antenado nas informações oficiais sobre seu concurso

Uma boa preparação envolve estar atualizado com as informações oficiais do próprio
órgão que irá realizar o concurso público. É bom lembrar que os órgãos públicos
dispõem de sites oficiais, os quais são alimentados constantemente com informações
de interesse do próprio órgão. Além disso você também acompanhar alguns
periódicos especializados em concursos, como o www.play1.com.br, dentre outros.

Lembre-se que o importante é estar sempre antenado!

c. Comece estudando as matérias relativas aos conhecimentos gerais /
básicos:

Após ler com atenção o edital, destacando as informações mais importantes, é hora de
arregaçar as mangas e começar a estudar. Mas, o que devo estudar primeiro?
A resposta é simples: comece dedicando seu foco de estudos nas matérias básicas do
último edital. Você vai notar que muda pouca coisa em relação às disciplinas dos
conhecimentos gerais / básicos da maioria dos concursos públicos. Vai perceber
também que, ao estudar bem essas matérias, você estará automaticamente se
preparando para outros concursos, pois, por exemplo, Língua Portuguesa, Raciocínio
Lógico, Atualidades, Direitos Constitucional e Administrativo são disciplinas comuns à
maioria dos editais de concursos públicos.
Lembrando que você deve se guiar sempre pelo último edital do concurso para o qual
você quer se preparar!

d. Faça provas anteriores:

É fazendo provas anteriores, por exemplo, que você se acostuma ao estilo de
perguntas da banca (o que chamamos tecnicamente de “raciocínio lógico de
cobrança”) e também entende a forma como a banca distribui o número de questões
para cada grupo de disciplina. Essa constatação (número de questões por disciplina),
por exemplo, serve como um excelente parâmetro de priorização de estudo de
determinadas disciplinas. É o caso da matéria de Língua Portuguesa, que
normalmente traz em prova um número maior de questões quando comparadas às
demais disciplinas.
Número maior de questões significa maior pontuação concentrada nessa disciplina em
comparação à pontuação total de uma prova.
Imagine que uma prova com 120 questões traz 20 questões de Língua Portuguesa
com peso 2…. Você concorda que, acertando essas 20 questões você acumula 40
pontos do total dessa prova? Isso significa que, no exemplo de prova acima, só a
disciplina de Língua Portuguesa concentra 30% da pontuação total dessa prova… É ou
não é uma matéria que deve ser priorizada?
Então use e abuse de provas anteriores!

e. Cuide do seu corpo e de sua mente durante os estudos:

Já se foi o tempo em que para passar numa prova de concurso bastaria estudar,
estudar e apenas estudar. O nível de dificuldade das provas aumentou
significativamente e os candidatos precisam entender que o ótimo rendimento em
provas está atrelado a alguns fatores, dentre os quais:
 Praticar regularmente uma atividade física;
 Alimentar-se adequadamente;
 Dormir bem;
 Procurar ter equilíbrio na vida social e emocional.

Vale a pena fazermos uma matéria detalhando bem esse último ponto que, sem
sombra de dúvidas, é importantíssimo para uma jornada vitoriosa e recheada de
aprovações.

Mas, e se o edital já estiver sido lançado, o que devo fazer?

Falaremos detalhadamente sobre isso em nossos próximos encontros, combinado?

Não deixe também de seguir nossas estratégias de preparação e dicas de estudo para
concursos públicos!

Abraços,
Jefferson Santos
Estrategista de Aprovação em Concursos Públicos

Gostou?
Ficou com alguma dúvida?
Fique à vontade para comentar e compartilhar nossas matérias aqui do Play1 – o seu
portal de notícias.

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here